Autopublicação

Regulamentação das fichas catalográficas

Em outubro de 2017, o Conselho Federal de Biblioteconomia publicou a Resolução 184, que trata da regulamentação das fichas catalográficas. O texto torna obrigatório a assinatura do bibliotecário em todos os documentos produzidos durante o exercício da profissão. Deste modo, as fichas catalográficas deverão conter em seu rodapé o nome e o registro profissional do bibliotecário responsável pela catalogação.

Pretende-se com essa decisão uniformizar o processo de tratamento e elaboração das fichas catalográficas. Além disso, busca-se inibir a elaboração de fichas catalográficas por pessoas sem formação em Biblioteconomia. Por fim, permite que os bibliotecários responsáveis pela catalogação recebam os devidos créditos.

Será o início da regulamentação das fichas catalográficas?

De acordo com o presidente do CFB, Raimundo Martins de Lima:

“Temos leigos que elaboram as fichas [catalográficas] da maneira que entendem, saindo errados nomes de autoria, as responsabilidades de coordenação, revisão entre outros dados. Essas informações são necessárias para dar o devido crédito e facilitar o processo de recuperação”.

O presidente do CFB ainda completa:

“O objetivo dessa resolução é dar uniformidade ao processo de tratamento e de elaboração das fichas catalográficas. Seja em bibliotecas, livrarias, editoras ou órgãos responsáveis pela elaboração de revistas. A catalogação é um processo que utiliza padrões internacionais que precisam ser respeitados”.

Conclusão

A Resolução 184, chega para contribuir com a regulamentação das fichas catalográficas no Brasil. Se torna um importante instrumento para os bibliotecários, pois valoriza e reconhece o trabalho do catalogador. Em médio prazo, impactará positivamente no aumento da qualidade das fichas catalográficas.

Exemplo de ficha catalográfica inválida

Fichas catalográficas como a representada pela imagem não possuem validade
Fichas catalográficas como a representada pela imagem não possuem validade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.